Novos docentes são credenciados ao PPGE


04/02/2019 16h01 - Atualizado em 28/05/2021 às 08h30

Atendendo a orientações da Capes, tendo como base o Regimento interno e o Documento de Área de Educação, que apresenta o itinerário avaliativo e diagnóstico dos programas de pós-graduação em Educação no Brasil, foi realizado o processo seletivo descrito em edital para credenciamento de novos docentes permanentes.

Após análise do Colegiado Restrito e com homologação do Conselho do PPGE, dois novos docentes passam a integrar o rol de professores orientadores. Do Centro de Educação, integrando a Linha de Pesquisa História e Política da Educação, temos o Prof. Dr. Jailton Souza Lira, e do Campus Arapiraca, temos o Prof. Dr. Wilmo Ernesto Franciso Junior, que passa a integrar a Linha de Processos Educativos.

Na chegada às atividades junto ao PPGE, os novos professores externaram o que pensam sobre o programa e o credenciamento deles.

Para o prof. Jailto Lira, “o Programa de Pós-GraduaçãProf. Jailtono do Centro de Educação da UFAL é um dos mais importantes espaços de formação docente do estado de Alagoas. Ele possibilita o acesso igualitário à pós-graduação, beneficiando diretamente os profissionais da educação e toda a comunidade alagoana, especialmente os estudantes das escolas públicas através de uma educação de maior qualidade social".

Prof. WilmoPor outro lado, prof. Wilmo Junior destaca que ser docente de um Campi do interior permite acompanhar os desafios impostos à universidade, à educação e à pós-graduação no estado de Alagoas. “As dificuldades para realizar uma pesquisa qualificada atingem a todos, mas estruturalmente atingem em maior grau docentes do interior. O fato de o PPGE nunca ter tido um docente lotado no interior, ao menos desde que cheguei na UFAL em 2012, ilustra estas disparidades. Assim, meu interesse e desejo em estar na pós-graduação em educação é contribuir não somente com o avanço de uma pesquisa educacional que se reverbere positivamente no ensino, mas também tentar dirimir desigualdades históricas, inclusive de acesso à pós-graduação de estudantes do interior”.

A comunidade acadêmica acolhe os novos professores, desejando sucesso, na certeza que contribuirão com a pesquisa científica de qualidade que é produzida e incentivada pelo PPGE.