Moçambique urgente


24/03/2019 12h53 - Atualizado em 28/05/2021 às 08h30

A Coordenação do Programa de Pós-graduação em Educação da Ufal, docentes e discentes, se solidarizam com a dramática situação de Moçambique,  terra natal de nossa doutoranda Sonia André, orientada pelo Prof. Walter.

E, em sentido de colaboração concreta, compartilhamos mensagem de Sonia, para que cada um possa ajudar da melhor forma possível.

Sou Sonia André, moçambicana, estudante de Doutorado em Educação - PPGE - UFAL,  
"A mesma boca que pede [...], agradece"!
Como sabeis, meu país Moçambique foi devastado por um ciclone jamais visto em todo hemisfério sul, segundo palavras da ONU. O Ciclone Idai que se formou no Oceano Índico passou para o continente pela cidade da Beira/Moçambique e se conduziu para o Zimbabwe e Malawi, destruindo tudo, como podem conferir:
Quero agradecer aos que estão fazendo suas doações que serão encaminhadas para os desabrigados que neste momento precisam do apoio de todas e todos.
O país está numa situação de emergência e luto. Por esse motivo, o mundo inteiro está enviando suas ajudas, por meio de instituições, entidades e também pessoas singulares. 
Para ajudar as pessoas sobreviventes desabrigadas, venho por este meio solicitar que continuem contribuindo para este povo irmão, que nada lhe sobrou, se não a esperança para recomeçar no meio do nada. 
Por ser distante, e o envio de materiais físicos pode ser mais difícil, cada um que contribua com o valor que tiver ou puder para o:
Banco do Brasil
Agência: 3057-0
Conta Poupança: 22.412-X
Variação 51
Acreditem que a vossa ajuda fará muita diferença. Desde já agradeço a vossa atenção e colaboração.